Emergência 193

Notícias

OCORRÊNCIA

Bombeiros encerram buscas por corpo de bebê desaparecido em Tabaporã

10/01/2020 - 16:10
Foram cerca de 35 horas de trabalhos das equipes de mergulho e de busca e resgate com cães
CBMMT

Às 7h da manhã desta sexta-feira (10/01), o Corpo de Bombeiros Militar de Mato Grosso (CBMMT) deu continuidade às buscas pelo corpo do bebê de aproximadamente 8 meses que estava desaparecido desde o dia 26 de dezembro de 2019, em Tabaporã (660 km de Cuiabá).  A equipe de mergulhadores do 4º BBM (Sinop) iniciou os trabalhos no rio Sereno e a equipe de Busca e Resgate com Cães (BRESC) da 10ªCIBM (Sorriso), acionada posteriormente com a evolução das investigações também tentou localizar o bebê nas proximidades do rio durante todo o dia de quinta-feira (09/01). Na mesma noite a Polícia Judiciária Civil (PJC) de Tabaporã informou que o casal suspeito foi localizado no interior do estado do Goiás e confessou que o corpo do bebê havia sido lançado num poço a cerca de 3 quilômetros da cidade.  
Imediatamente CBMMT foi até o local descrito para verificar a informação e, após a confirmação do local do poço , deu início às buscas no poço que possuía 5 metros de profundidade. A equipe localizou fragmentos do corpo do bebê, mas, devido às dificuldades e grande volume de água, encerrou os trabalhos de busca à meia noite.
Já na manhã desta sexta-feira (10/01) o CBM retomou os trabalhos sendo necessária a realização de bombeamento de água, dificultado seu esgotamento por haver uma nascente. 
A operação no poço foi finalizada às 11h, tendo se esgotado todos os recursos e possibilidade de investigação criminal. Assim, em atendimento à solicitação da PJC a equipe de busca, resgate e salvamento com cães foi até a residência do casal, onde encontraram alguns pontos suspeitos. As informações foram repassadas para o órgão competente para realizar a perícia investigativa. Por volta das 15h o CBMMT e a PJC deram por encerrada a operação, pois não haviam mais linhas investigativas para novas buscas dos demais fragmentos do bebê.

O CBM MT também está no Facebook e Instagram. Siga-nos!